Vipal Borrachas | Vipal Borrachas obtém reconhecimento em plataforma internacional de práticas em responsabilidade social

03.03.2020

Vipal Borrachas obtém reconhecimento em plataforma internacional de práticas em responsabilidade social

Empresa foi classificada na categoria Prata na EcoVadis, que demonstra seu desenvolvimento e evolução em questões socioambientais de empresas em todo o mundo.
Vipal Borrachas obtém reconhecimento em plataforma internacional de práticas em responsabilidade social

O que a Vipal Borrachas aprendeu com a estrada em seus mais de 46 anos de trajetória está presente não apenas em seus produtos e serviços, mas também nas ações socioambientais promovidas pela empresa. Além de contar com as mais importantes certificações para o segmento industrial, como ISO 9001:2015 e Certificado de Verificação de Desempenho de Produto, a Vipal também sustenta outro importante selo: a certificação da EcoVadis. Plataforma global de reconhecimento às práticas em Responsabilidade Social Empresarial (RSE), a EcoVadis avaliou a Vipal Borrachas na categoria Prata, com 59 pontos, o que demonstra o desenvolvimento e a evolução das questões socioambientais dentro da organização. 

Utilizada como referência por empresas do mundo todo no que se refere a práticas sociais e ambientais, a EcoVadis é uma solução utilizada por multinacionais para integrar o desempenho de RSE entre compradores e fornecedores. A avaliação da Ecovadis possui níveis, que se baseiam na classificação percentual da pontuação das empresas, além de uma pontuação mínima por tema avaliado: Meio Ambiente, Práticas trabalhistas e direitos humanos, Ética e Compras Sustentáveis. A metodologia de avaliação é baseada em padrões internacionais como Global Reporting Index (GRI), ISO 26000 e os princípios do Global Compact.

“Nosso objetivo é melhorar continuamente nossas práticas e consolidar nosso sistema de gestão de responsabilidade social, tornando o negócio ainda mais sustentável”, comenta João Carlos Demoly, Diretor Industrial da Vipal Borrachas. Segundo Demoly, “os objetivos e ações devem ser revisados este ano de forma a manter o nosso desenvolvimento no que se refere aos assuntos socioambientais na organização”. 

A Vipal iniciou as avaliações na plataforma Ecovadis no ano 2017. Na ocasião, as pontuações alcançaram nível Bronze. Contudo, com o objetivo de promover a melhoria contínua do seu desempenho em responsabilidade social, a empresa buscou implementar o Programa Socioambiental, culminando no alcance do nível Prata.  

As ações socioambientais da Vipal

A própria prática de reforma de pneus, core business da Vipal há mais de 46 anos, é ecologicamente correta. De acordo com a Associação Brasileira do Segmento de Reforma de Pneus (ABR), cada pneu de carga reformado gera uma economia de 57 litros de petróleo, que seriam usados na fabricação de um pneu novo. Já o gasto com energia elétrica é reduzido em 80%. Igualmente, o setor proporciona uma economia de petróleo na ordem de 500 milhões de litros/ano. 

Entretanto, as ações socioambientais promovidas pela Vipal atingem várias áreas da empresa. O programa socioambiental foi iniciado em 2018 com o objetivo de desenvolver práticas sustentáveis dentro da organização. Para a implantação do programa, as equipes envolvidas desenvolveram um plano, que totalizou 215 ações. Atualmente, o programa socioambiental está disseminado em 77 ações de políticas de compras sustentáveis, meio ambiente, saúde e segurança e direitos humanos.

Dentre as ações realizadas, estão a implementação de controle de Legislação Meio Ambiente e Saúde e Segurança; lançamento do Código de Ética, com implantação do canal de comunicação Caminho Ético; definição de metodologia de avaliação e controle de fornecedores; avaliação de fornecedores críticos em Gestão Socioambiental; auditoria externa de requisitos legais ambientais; entre vários outros.

Somando as estruturas de suas fábricas brasileiras, são tratados um total de mais de 30 milhões de litros de efluentes por ano. O aproveitamento de água é outro ponto importante. Em suas fábricas de Feira de Santana (Bahia) e Nova Prata (Rio Grande do Sul), somam-se 92 mil m² de telhado projetado para captação de água da chuva, que é utilizada para descarga de banheiros, produção e irrigação. As plantas contam com cisternas distribuídas ao longo dos parques fabris, com volume de armazenamento superior a 2 milhões de litros. Além disso, especialmente em Feira de Santana, é aproveitada a água de rejeito da osmose reversa para descarga de banheiros ao invés de se usar água da chuva ou potável para esta finalidade.

A Vipal utiliza alta tecnologia para transformar a borracha descartada em pó através do processo de criogenia, aproximadamente 170 mil kg/mês, o qual é reciclado em produtos de borracha, como pisos. A iluminação das fabricas também é obtida através dos telhados com revestimento acrílico transparente instalados nas fábricas, que resultam em um total de total 171 mil kWh/mês de energia elétrica economizados.

Outra frente ambiental que a Vipal atenta é a logística reversa. Mais de 400 toneladas mensais de pneus são recicladas, evitando, assim, seu descarte no meio ambiente. As fábricas da empresa também contam com métodos de reciclagem altamente efetivos, com resultados acima das metas estabelecidas, bem como a coleta seletiva, praticada desde 1988 em suas instalações.